Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

20/10/2018 - 10:50

Sao Luis: Pequenas Nuvens, 30 °C

Dia Nacional do Choro: celebração com muita música no Odylo Costa Filho nesta sexta (20)

Dia Nacional do Choro: celebração com muita música no Odylo Costa Filho nesta sexta (20)

O choro, popularmente chamado de chorinho, é um gênero de música popular e instrumental brasileira que surgiu no Rio de Janeiro em meados do século XIX. Como forma de homenagear uma das primeiras músicas urbanas tipicamente brasileiras, a Escola de Música do Estado do Maranhão Lilah Lisboa de Araújo (EMEM), órgão vinculado à Secretaria de Estado da Cultura e Turismo (Sectur), realiza nesta sexta-feira (20), no Centro de Criatividade Odylo Costa, filho, a partir das 19h, o Dia Nacional do Choro.

Com entrada franca, a noite deverá reunir grupos musicais e apreciadores do gênero. Além disso, o evento conta a parceria do Clube do Choro do Maranhão, entidade que reúne todos os grupos musicais e instrumentistas do gênero no estado.

Confirmadas as participações dos grupos Regional Tira-Teima, Instrumental Pixinguinha, Chorando Calado, Os Cinco Companheiros, Tritono, Clube do Choro do Maranhão, Grupo Regional Tangará e o Núcleo de Choro do Maranhão. Também participam os alunos da Escola de Música do Maranhão e dos cursos de música da Universidade Federal do Maranhão (UFMA) e Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).

As comemorações do Dia Nacional do Choro acontecem em São Luís desde 2002, e neste ano vem homenagear o flautista, compositor, arranjador, produtor musical, ex-integrante do Grupo Instrumental Pixinguinha e professor da EMEM, Zezé Alves.

O professor da Escola de Música, Raimundo Luiz é um dos idealizadores do evento que já é considerado tradição na cidade. “O evento, além de valorizar os nossos músicos, também tem como finalidade a união dos artistas que fazem o chorinho como os mestres e mestras instrumentistas e pessoas que estudam o choro”, afirmou o professor.

Dia Nacional do Choro

A data oficial, celebrada em 23 de abril, também marca o aniversário de um de seus principais compositores, Pixinguinha (1897-1973), o pai da música brasileira. Pixinguinha misturou a então principiante música de Ernesto Nazareh, Chiquinha Gonzaga e dos primeiros chorões com ritmos africanos, estilos europeus e a música negra americana, fazendo surgir um estilo genuinamente brasileiro. Arranjou os principais sucessos da então chamada época de ouro da música popular brasileira, orquestrando de marchas de carnaval a choros. O choro, ao longo dos anos, se transformou em um dos gêneros mais prestigiados da música popular nacional, reconhecido em excelência e requinte.





 

 

Enquete

Você é a favor do Uber ou outros aplicativos de transporte em São Luís?:


E-mail:

greg