Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

20/06/2018 - 11:54

Sao Luis: Pequenas Nuvens, 29 °C

São Luís terá Dia D Municipal de Vacinação contra a Gripe nesse sábado (26)

São Luís terá Dia D Municipal de Vacinação contra a Gripe nesse sábado (26)

A Prefeitura de São Luís reforça a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, com a realização do Dia D Municipal contra a Influenza neste sábado (26). A ação será coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semus) e tem como objetivo ampliar o acesso do público-alvo à vacina para garantir a cobertura da meta proposta pelo Ministério da Saúde, que é vacinar 209.974 pessoas, na capital maranhense. As salas de vacina das unidades de saúde estarão abertas das 7h às 12h.

Durante o Dia D Municipal será feito um alerta aos pais para conscientizá-los sobre a importância da vacinação da gripe em crianças como o meio de imunização mais eficaz que pode evitar as complicações da doença. De acordo com dados da Superintendência de Vigilância Epidemiológica e Sanitária de São Luís, se destaca especialmente a baixa procura entre as crianças de seis meses a cinco anos. Para reforçar a vacinação neste público, técnicos da Semus estão realizando durante a semana vacinação em creches.

CAMPANHA

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe encerra no dia 1º de junho e durante toda a próxima semana a Semus está com uma força tarefa para permitir que pessoas que ainda não tiveram tempo para ir a uma unidade de saúde consigam receber a dose; por isso, o horário de funcionamento das Unidades Mistas e dos centros de saúde Paulo Ramos, Turu, Cohab, Genésio Rego, Liberdade, Bezerra de Meneses, São Francisco, Djalma Marques, Fabiciana, Janaina, Clodomir Pinheiro e Vila Bacanga será estendido até as 18h.

Idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a menores de cinco anos, trabalhadores da saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional e portadores de doenças crônicas (como o diabetes) e outras condições clínicas especiais também devem receber a vacina da gripe.

 





 

 

 

 

Enquete

Você é a favor do Uber ou outros aplicativos de transporte em São Luís?:


E-mail:

greg