Link malicioso se espalha no WhatsApp prometendo lista com postos de gasolina | SuaCidade.com

suaCidade

São Luís

20/08/2018 - 14:03

Sao Luis: Pequenas Nuvens, 31 °C

Link malicioso se espalha no WhatsApp prometendo lista com postos de gasolina

Link malicioso se espalha no WhatsApp prometendo lista com postos de gasolina

A Kaspersky, empresa russa que atua no ramo de segurança cibernética, emitiu um alerta a respeito de um novo link malicioso que está se espalhando pela internet brasileira. Sendo disseminado principalmente pelo WhatsApp, o endereço suspeito se aproveita da greve dos caminhoneiros e chega ao internauta disfarçado como uma suposta lista de postos de gasolina que receberão combustível.

A mensagem (que não especifica exatamente quando é “hoje”, permitindo que ela continue atual independentemente do dia em que for encaminhada) leva a vítima até uma página construída com a mesma identidade visual da Petrobrás. Ao informar seu estado e cidade, o internauta é redirecionado para páginas contendo publicidade ou que o incentivam a assinar conteúdos pagos sem perceber, gerando receita aos estelionatários.

Tal página pede ainda que você compartilhe o link com alguns amigos do seu WhatsApp para revelar a lista que nem sequer existe. De acordo com a Kaspersky, o link malicioso foi acessado mais de 60 mil vezes em menos de 24 horas, o que com certeza rendeu um bom lucro aos cibercriminosos responsáveis pelo esquema.

“É a mesma tática de golpes anteriores que utiliza um tema de grande interesse da população, só que em um momento crítico de uma greve”, explica Fabio Assolini, analista sênior de segurança da Kaspersky Lab. “O criminoso ganha de muitas formas: pelos milhares de page views no site cheio de propaganda, pela instalação dos aplicativos sugeridos pela página, num esquema de pay-per-install ou até mesmo com a oferta de instalação de apps maliciosos, como já vimos anteriormente”, finaliza o analista.

Com Canaltech.





 

 

 

Enquete

Você é a favor do Uber ou outros aplicativos de transporte em São Luís?:


E-mail:

greg