Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

20/10/2018 - 18:58

Sao Luis: Algumas Nuvens, 27 °C

Com vantagem, Cruzeiro recebe Palmeiras pela Copa do Brasil

Com vantagem, Cruzeiro recebe Palmeiras pela Copa do Brasil

O Cruzeiro é um dos times mais chatos de se enfrentar em uma competição mata-mata. Cheio de jogadores experientes e decisivos, o time celeste conquistou um bom resultado no jogo de ida das semifinais da Copa do Brasil, contra o Palmeiras fora de casa. A vitória por 1 a 0 dá a vantagem do empate no duelo desta quarta-feira, no Mineirão, mas não é motivo para sossego dos cruzeirenses.

Nos últimos dois confrontos deste tipo contra brasileiros, o Cruzeiro repetiu a receita. Ainda na Copa do Brasil, nas quartas-de-final contra o Santos, venceu por 1 a 0 na Vila Belmiro. O placar, que sugeria mais tranquilidade na volta, acabou sendo enganoso. Mesmo com o apoio de sua torcida, a Raposa perdeu por 2 a 1 para o Alvinegro no Mineirão, e só se classificou nos pênaltis, graças a três defesas de Fábio.

O outro duelo foi pela Copa Libertadores da América, diante do Flamengo. Mais uma vez fazendo o primeiro jogo fora de casa, o Cruzeiro derrotou os rubro-negros por 2 a 0 no Maracanã. No Mineirão lotado, mais uma classificação com doses de emoção. Tentando administrar a vantagem construída na primeira partida, o Cruzeiro acabou perdendo por 1 a 0. O suficiente para garantir a vaga na fase seguinte, mas não para desligar o alerta no clube.

E se o retrospecto recente deixa os mineiros mais cautelosos, também pode funcionar como motivo de inspiração para os paulistas. Na Libertadores da América, já sob o comando de Luiz Felipe Scolari, o Palmeiras venceu os dois jogos eliminatórios que disputou fora de casa. Bateu Cerro Porteño, do Paraguai, e Colo-Colo, do Chile, pelo mesmo placar de 2 a 0 longe de seus domínios. Uma vitória simples do Palmeiras leva a decisão para os pênaltis.

Juntos, Cruzeiro e Palmeiras foram o "Clássico Palestrino". Isso porque os dois clubes carregaram o nome de Palestra Itália até a Segunda Guerra Mundial, quando foram proibidos de manter nomes que faziam alusão a países do eixo. Por isso, os dois clubes tiveram que abandonar o nome em comum.

Além de Cruzeiro e Palmeiras, Corinthians e Flamengo também jogam por uma vaga na final da Copa do Brasil nesta quarta-feira, às 21h45, na Arena Corinthians, em São Paulo. No primeiro jogo, os dois empataram por 0 a 0.

CBF.





 

 

Enquete

Você é a favor do Uber ou outros aplicativos de transporte em São Luís?:


E-mail:

greg