Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

15/11/2018 - 01:51

Sao Luis: Céu Limpo, 27 °C

Cruzeiro vence a Chapecoense no Independência

Cruzeiro vence a Chapecoense no Independência

Ainda em clima de comemoração pelo hexacampeonato da Copa do Brasil, o Cruzeiro recebeu a Chapecoense neste domingo (21), no Independência, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. Embalado pelo título conquistado na última quarta-feira, a Raposa fez a festa da torcida ao vencer o time catarinense por 3 a 0.

Com o resultado, o time mineiro chegou a 40 pontos no Brasileirão e segue em décimo lugar. A Chape, com 31, perdeu a chance de deixar a zona de rebaixamento e permanece na 18ª posição.

O jogo

Jogando em casa, o Cruzeiro tomou conta da partida em Belo Horizonte e fez os três gols da vitória nos 45 minutos iniciais. O primeiro saiu aos 21, após Robinho tocar para Ariel, que mandou de letra para Thiago Neves. O meia avançou, ajeitou o corpo e soltou uma bomba no ângulo de Jandrei: golaço. Depois, aos 29, Barcos recebeu na área e bateu cruzado. O goleiro da Chape defendeu, mas, no rebote, Arrascaeta completou de cabeça: 2 a 0. O time catarinense quase descontou aos 40, quando Leandro Pereira cabeceou no contrapé de Fábio, que se esticou todo para salvar a Raposa. Logo na sequência, aos 43, Arrascaeta cobrou escanteio na medida para Dedé ampliar para o time da casa: 3 a 0.

Na volta do intervalo, a Chapecoense criou as melhores chances nos minutos iniciais. Canteros assustou aos três minutos, mas a finalização passou rente à trave de Fábio. Depois, Eduardo bateu no meio do gol, mas o camisa 1 do Cruzeiro defendeu. Aos 11, Doffo cabeceou por cima do gol e desperdiçou outra boa chance para a Chape. Depois da pressão inicial, os visistantes perderam o poder ofensivo, enquanto a Raposa voltou a criar mais. No entanto, o placar não foi mais alterado.

CBF.





 

Enquete

Você é a favor do Uber ou outros aplicativos de transporte em São Luís?:

E-mail:

greg