Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

17/09/2019 - 20:34

Sao Luis: Céu Limpo, 26 °C

Facebook perdeu 15 mi de usuários desde 2017

Facebook perdeu 15 mi de usuários desde 2017

O Facebook perdeu 15 milhões de usuários desde 2017. Pelo menos é o que aponta pesquisa da Edison Research divulgada nesta quarta-feira (6). As informações foram coletadas com usuários dos Estados Unidos, o mercado mais lucrativo da rede social.

Jovens com idade entre 12 e 34 anos foram os que mais deixaram a rede social. "Há a teoria que o Facebook se tornou mais popular entre as pessoas mais velhas, afetando os jovens. Também devo mencionar que, embora tenhamos visto reduções drásticas, ainda estamos vendo alguns ganhos entre as pessoas de 55 anos ou mais", disse o presidente da Edison Research, Larry Rosin, em entrevista para o Marketplace.

O movimento havia sido descrito em reportagem do The Guardian. No Reino Unido, 3 milhões de pessoas com menos de 25 anos abandonaram a rede social por a considerarem uma plataforma para "os mais velhos".

No estudo, não há muitas menções sobre os motivos para que as pessoas deletem seus perfis ou sobre os impactos que a queda no número de usuários têm para a empresa. Em fevereiro, o Facebook havia comemorado um crescimento na sua base de membros ativos que contabilizou 2,53 bilhões de pessoas.

Ainda assim, a pesquisa sinaliza que os problemas de privacidade e as contínuas violações da confiança do usuário podem ter um efeito perceptível em sua fatia mais cobiçada de usuários. "Não há como dizer que não é uma queda significativa", disse Rosin. "O número representa cerca de 6% do total da população dos Estados Unidos com 12 anos ou mais".

Rosin ainda destaca que a queda no número de usuários é uma tendência. É o segundo ano consecutivo que a pesquisa da Edison Research mostra o movimento para baixo.

Mas Mark Zuckerberg ainda tem motivos para comemorar: as pessoas parecem estar migrando para o Instagram. Isso porque a rede social de fotos coleta menos informações pessoais e é vista como uma alternativa menos tóxica ao Facebook, acometida por anúncios, notícias falsas, discursos de ódio e perfis fake.

Atualmente, o Instagram tem mais de 1 bilhão de usuários. Destes, 400 milhões utilizam mensalmente o stories, recurso copiado da concorrente Snapchat. O Facebook até tentou seguir o caminho de sucesso do Instagram, mas o stories não decolou na plataforma.

Canaltech; The Verge; The Guardian.





Enquete

Você é a favor da Reforma da Previdência?:

 

E-mail:

greg