Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

19/09/2019 - 11:30

Sao Luis: Pequenas Nuvens, 30 °C

Disney confirma filme de Star Wars com os produtores de Game of Thrones

Disney confirma filme de Star Wars com os produtores de Game of Thrones

Nesta terça-feira (14), o CEO da Walt Disney Company, Bob Iger, confirmou durante apresentação da empresa no evento da MoffetNathanson Media & Communications (uma das maiores empresas de pesquisa em entretenimento do mundo) que, depois de A Ascensão Skywalker, o próximo filme da franquia Star Wars será dirigido pela dupla David Benioff e D.B. Weiss (carinhosamente chamados pelos fãs como “dupla D&D”), conhecidos por serem os showrunners da série Game of Thrones.

Durante o evento, Bob discutiu sobre o futuro da franquia Star Wars - que, após o filme deste ano, terá um hiato de três anos nos cinemas e voltará para as telonas apenas em 2022 - afirmando que a escolha da dupla D&D para comandar o filme foi uma promessa que o executivo fez para os diretores, mas que essa era a única novidade que ele poderia já adiantar sobre o futuro da série. O executivo ainda afirmou que o hiato nos lançamentos já estava nos planos da empresa, e não foi influenciado pelo pouco sucesso de Solo - Uma História Star Wars.

A presença da dupla D&D no comando da franquia Star Wars é algo que havia sido anunciado pela primeira vez no ano passado, quando foi veiculado que a dupla iria roteirizar e produzir uma nova trilogia que não fazia parte da “Saga Skywalker”, mas os eventos desta terça colocam em dúvida o papel da dupla no futuro da saga. Isso porque Iger foi enfático em garantir que eles estão responsáveis apenas pelo “próximo filme”, e não uma trilogia como havia sido divulgado ano passado. A declaração também coloca em xeque o futuro do diretor Rian Johnson com a franquia, para quem a Disney havia prometido uma trilogia própria antes de toda a polêmica envolvendo Os Últimos Jedi e ele ser retirado do cargo de diretor de A Ascensão Skywalker, sendo substituído por J.J. Abrams, que já havia dirigido O Despertar da Força.

Além disso, pode-se dizer que o timing para o anúncio de Iger não foi dos melhores: enquanto até o ano passado Benioff e Weiss era super elogiados pelo trabalho que fizeram em Game of Thrones, o ritmo apressado das duas últimas temporadas, que tem terminado alguns arcos de história sem muita explicação, fez com que a dupla perdesse muito do prestígio que construiu nos últimos oito anos. Além disso, a dupla também já foi muito criticada quando revelou qual seria o seu próximo trabalho junto com a HBO: uma série revisionista que mostraria o Sul como vencedor da Guerra Civil e os generais donos de escravos como heróis do conflito.

Por enquanto, além de A Ascensão Skywalker, já estão confirmadas também duas séries de Star Wars para o serviço de streaming Disney+: The Mandalorian, que contará a história de um caçador de recompensas mandaloriano (mesma raça do personagem Boba Fett da trilogia original) e uma outra que mostrará as aventuras da Aliança Rebelde anteriores aos eventos do filme Rogue One. Já o filme de Star Wars da dupla D&D irá estrear nos cinemas apenas no final de 2022.

Canaltech; Gizmodo.





Enquete

Você é a favor da Reforma da Previdência?:

 

E-mail:

greg