Se seu navegador não suportar JavaScript. Algumas funcionalidades não serão exibidas, estamos trabalhando para disponibilizar mais breve possível as funcionalidades sem javascript.

suaCidade

São Luís

15/09/2019 - 15:53

Sao Luis: Pequenas Nuvens, light rain showers, 26 °C

Alimentação saudável pode evitar doenças crônicas

Alimentação saudável pode evitar doenças crônicas

A perspectiva de longevidade do ser humano, aliada às constantes ameaças da propagação de doenças da modernidade, tem levado muitas pessoas a repensar na mudança de alguns hábitos do estilo de vida. Está comprovado cientificamente que a alimentação incorreta, adotada pela grande parcela da população mundial, está provocando vários malefícios ao organismo, sendo a grande responsável pelo aumento de enfermidades graves e mortes no mundo. Doenças como hipertensão, diabetes, obesidade, gastrite e anemia, entre outras, vem crescendo assustadoramente e, em alguns países, já são consideradas e tratadas como epidemias.

Fabricantes de alimentos começam a rever seus produtos e, na levada da onda de valorização do saudável, muitos estabelecimentos já disponibilizam em suas gôndolas grande variedade de produtos orgânicos ou mesmo industrializados livres de gorduras trans. Mas as gorduras saturadas, açúcar e o excesso de sódio, ainda são grandes vilões de vários itens largamente consumidos pela população, como biscoitos, temperos, refrigerantes, margarinas, manteigas, gordura da carne vermelha e comidas prontas, entre outros, pois não trazem nenhum benefício à saúde. Além disso, diminuem a ingestão dos nutrientes realmente necessários para o bom funcionamento do organismo.

E como saber o que realmente é uma alimentação saudável? “É aquela que oferece os nutrientes (carboidrato, lipídeo, proteína, vitaminas, minerais e fibras) em quantidades adequadas a cada pessoa, respeitando as preferências individuais, aspectos culturais, econômicos e regionais. Importante que seja saborosa, equilibrada e colorida, fatores importantes do ponto de vista nutricional, e segura quanto a ausência de contaminação físico-química ou biológica para não oferecer risco à saúde”, responderia qualquer nutricionista se questionado.

Ter variedade de alimentos em quantidade moderada e diferentes pigmentos é fundamental, pois as cores caracterizam funções diferentes no organismo. Quanto mais colorido, mais saudável é o prato, porque ele contém alimentos antioxidantes, combatentes de radicais livres, fortalecedores do sistema imunológico e preventivos de câncer.

Higienização de alimentos crus

O consumo de orgânicos e os chamados “agroecológicos” seria o ideal para o organismo, por conta de não serem utilizados agrotóxicos e fertilizantes químicos em seu cultivo. Contudo, todos os alimentos ingeridos na sua forma natural devem ser higienizados para se evitar prejuízos à saúde. As frutas devem ser ingeridas com a casca e, por este motivo, assim como as hortaliças cruas, devem ser desinfetadas. A receita é simples, basta misturar 10 ml (duas colheres de chá) de água sanitária em um litro de água e deixá-los de molho por 15 minutos. Após este tempo, enxague os produtos muito bem e consuma. Mesmo os orgânicos e os hidropônicos devem passar por este processo. Não há necessidade de usar o vinagre.

Além das frutas e hortaliças, uma alimentação saudável precisa de produtos que contenham cálcio, ferro e vitamina C, importantes complementos para a saúde do corpo. Mas existem interações de alguns alimentos que podem prejudicar uma melhor absorção dos nutrientes necessários ao organismo. A cafeína, por exemplo, pode prejudicar a absorção do cálcio, por isto deve-se evitar a ingestão de alimentos fontes de cálcio (leite e derivados) juntamente os que são ricos em cafeína (café, chá preto, chá mate, chá verde), em uma mesma refeição ou intervalos muito próximos.

Outra combinação que deve ser evitada é a de alimentos com cálcio e ferro, como a carne e o leite. Já o consumo de alimentos ricos em ferro com Vitamina C é extremamente benéfico à saúde, principalmente para quem sofre de anemia.

Saudável x calorias

A excessiva preocupação que muitos têm com o valor calórico dos alimentos pode ser uma armadilha no caminho da alimentação saudável. O valor calórico dos alimentos deve ser levado em consideração, mas não se pode ignorar a importância de se alimentar de forma saudável. Não adianta não ultrapassar a quantidade de calorias diárias com uma alimentação pouco nutritiva. Faça opção por alimentos saudáveis com pouca caloria, como frutas, verduras, legumes, leites e derivados e alimentos integrais. Outra dica é preparar as carnes sem frituras e os legumes sem adição de cremes.

Alguns alimentos que não podem faltar na mesa:

- verduras, com destaque para o brócolis, que tem elevado teor de cálcio, importante construtor e formador de ossos e dentes, além de substâncias importantes na prevenção do câncer;

- frutas cítricas: importante fonte de vitamina C, que tem ação antioxidante e protege contra várias doenças;

- feijões, ervilha, lentilha: estes leguminosos são importantes fontes de fibras e proteínas. As fibras ajudam a regularizar as funções do intestino, a baixar o colesterol ruim do sangue e controlar o açúcar no organismo, além de proteger contra alguns tipos de câncer. A proteína ajuda na reparação e construção de tecidos do corpo;

- leite e derivados: importante fonte de cálcio;

- azeite virgem: reduz o mau colesterol, contêm ômega 3 que reduz o nível da pressão arterial, vitamina E – antioxidante que combate o envelhecimento precoce e protege contra o câncer;

- ovos: contém proteínas, vitaminas, minerais (ferro, fósforo, zinco e selênio) e ácido graxos, substâncias importantes para a saúde do corpo;

- peixes: são ricos em proteínas, sódio, potássio, ferro, manganês, cálcio e complexo B. Ajuda no controle da pressão arterial, colabora com a coagulação do sangue e auxilia na proteção da pele dos raios UV;

- arroz integral: é rico em fibras, proteínas, minerais e vitaminas do complexo B;

- tomate cozido: é fonte de vitamina C e age como antioxidante. Entre os benefícios, auxilia na prevenção do câncer e na diminuição de doenças do trato urinário e do stress. É eficaz contra o câncer de próstata e a antocianina estimula a circulação sanguínea.

Além destes alimentos, chama-se a atenção para a importância do consumo de 6 a 8 copos diários de água para manter o corpo hidratado e com bom funcionamento. Bom lembrar, também, que alimentar-se de forma saudável inclui fazer cinco refeições diárias e em ambiente calmo e tranquilo; manter os horários regulares das refeições; comer devagar e mastigar bem os alimentos, não substituir refeições por lanches e evitar frituras, alimentos gordurosos, com elevada quantidade de sal e açúcar, os embutidos, enlatados, salgadinhos e carnes defumadas.

 

Fonte: Saúde em Pauta 





Enquete

Você é a favor da Reforma da Previdência?:

 

E-mail:

greg