Capitão do Náutico, Josa vibra por levantar 1º troféu nacional do Timbu

Capitão do Náutico, Josa vibra por levantar 1º troféu nacional do Timbu
Foto: Thais Magalhães/CBF.

Parte do estado de Pernambuco está muito feliz. Dono das maiores torcidas do estado, o Náutico conquistou o seu primeiro título nacional na tarde deste domingo (6). O Timbu empatou em 2 a 2 com o Sampaio Corrêa e, como havia vencido o time maranhense na ida por 3 a 1, levou o troféu da Série C do Campeonato Brasileiro de 2019 para o Recife. O momento é inesquecível para o clube e para quem teve a honra de levantar a taça. 

Em entrevista à CBF no Estádio do Castelão, em São Luís (MA), o camisa 5 do Timbu não escondeu a alegria por ser um dos protagonistas deste grande momento e destacou que a força do grupo. 

“Fico muito feliz por representar o elenco neste momento. Mas não quero assumir essa liderança sozinho. Tivemos cinco atletas capitães durante a competição e acho que todo mundo merece levantar esse troféu, inclusive o Clube Náutico Capibaribe, que está de parabéns pelo primeiro título nacional. Este título, aliás, também é o meu primeiro. Acho que nós fizemos por onde durante a campanha, merecemos. Todos estão de parabéns”, declarou.

O torcedor do Náutico sofreu um pouco durante a partida neste domingo. O Timbu esteve atrás no placar duas vezes, mas conseguiu arrancar o empate. A pressão do Sampaio foi até o final e o time precisou ter equilíbrio e sangue frio para controlar a vantagem. A veia de liderança do capitão apareceu e ele passou a dar orientações ao time nos instantes finais. Josa vibra por ter conseguido ajudar também desta forma.  

Com CBF.

 

Conteúdo relacionado